A Logística Reversa de Pós-Consumo: Um Estudo de Caso na Cooperativa Cootre de Esteio-RS

Ramon Krupp, Rafael Mozart da Silva, Guilherme Bergmann Borges Vieira

Resumo


Percebe-se ao longo dos anos um aumento global na fabricação de produtos customizados, o que tem gerado também um elevado descarte de materiais, ocasionando danos ao meio ambiente. Nesse contexto, a presente pesquisa teve como objetivo identificar as práticas de logística reversa de pós-consumo realizadas por uma cooperativa de reciclagem localizada na cidade de Esteio, no Rio Grande do Sul, Brasil. Para tanto, foi realizada uma pesquisa qualitativa, de abordagem exploratória, operacionalizada mediante um estudo de caso. A partir de entrevistas e observações buscaram-se informações sobre as atividades da cooperativa e o modo como a mesma realiza seus processos. Os resultados indicam que a cooperativa de reciclagem estudada realiza diversas práticas de logística reversa, as quais são essenciais para o fluxo reverso dos materiais.

Palavras-chave


Logística Reversa; Pós-consumo; Cooperativa de Reciclagem; Região Sul do Brasil

Referências


Appolinário, F. (2009) Metodologia da ciência: filosofia e prática da pesquisa. São Paulo: Cengage Learning.

Aquino, I. F., Castilho Jr., A. B. & Pires, T. S. L. (2009) A organização em rede dos catadores de materiais recicláveis na cadeia produtiva reversa de pós-consumo da região da grande Florianópolis: uma alternativa de agregação de valor. Gestão e Produção, 16 (1), 15-24.

Behs, I. M. (2013) Educação para saúde do catador de material reciclável: produção em programas de pós-graduação do contexto nacional. Revista Competência, 6 (1), 75-89.

BRASIL. Lei no 12.035, de 02 de agosto de 2010. Institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos. Disponível em: . Acesso em: 28 jan. 2016.

Carmo, M. S. F. C., Oliveira, J. A. P. & Arruda, R. G. L. O Trabalho com Resíduos pelos Classificadores – o Papel da Semântica do Lixo no Reconhecimento Social e Identidade Profissional. (2006) In: Anais do Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração (ANPAD), Salvador, BA, Brasil, 30.

Castro, J. (2011) A indústria da reciclagem, o lixo e os catadores: um estudo em Anápolis/GO. Revista Anápolis Digital, 2(1).

Compromisso Empresarial para Reciclagem – CEMPRE. (2013) Cempre Review. São Paulo. Disponível em: . Acesso em: 21 de fev. 2016.

Compromisso Empresarial para Reciclagem – CEMPRE. (2015) Política Nacional de Resíduos Sólidos: Novos desafios para o poder público, empresas, catadores e população. São Paulo. Disponível em: . Acesso em: 21 de fev. 2016.

Demajorovic, J. & Besen, G. R. (2007) Gestão compartilhada de resíduos sólidos: avanços e desafios para a sustentabilidade. In: Anais do Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração (ANPAD), Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 31.

Dias, R. (2009) Gestão Ambiental: responsabilidade social e sustentabilidade. São Paulo: Atlas.

Donato, V. (2008) Logística Verde. Rio de Janeiro: Ciência Moderna.

Filho, C. M. (2011) Análise da competitividade de empreendimentos associativos e cooperativos de coletores de material reciclável. Dissertação de Mestrado, Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Ponta Grossa.

Gil, A. C. (2010) Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas.

Giovine, H. & Sacomano, J. B. (2007) A logística reversa como instrumento de melhoria do meio ambiente: um estudo de caso sobre a fábrica de reciclagem de eletrodomésticos da matsushita. In: Encontro Nacional de Engenharia de Produção (ENEGEP), Foz de Iguaçu, PR, Brasil, 27.

Gutberlet, J. (2010) Incineração de resíduos sólidos e recuperação de energia: desperdício de vidas e de matéria-prima. Jornal do Movimento Nacional dos Catadores de Material Reciclável, 4 (1).

Hair Jr., J. F., Babin, B., Money, A. H. & Samouel, P. (2007) Fundamentos de métodos de pesquisa em Administração. Porto Alegre: Bookman.

Heiden, A. I. V. D. (2007) Cooperativas de reciclagem de lixo e inclusão social: o caso do município de Itaúna – MG. Dissertação de Mestrado, Universidade do Estado de Minas Gerais, Divinópolis.

Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA). (2013) Situação Social das Catadoras e dos Catadores de Material Reciclável e Reutilizável. Brasília. Disponível em: . Acesso em: 19 dez. 2015.

Jardim, A., Yoshida, C. & Filho, J. V. M. (2012) Política Nacional, Gestão e Gerenciamento de Resíduos Sólidos. São Paulo: Manole.

Leite, P. R. (2009) Logística Reversa: meio ambiente e competitividade. São Paulo: Pearson.

Marchese, L. Q. (2013) Logística reversa das embalagens e a sua contribuição para a implantação da política nacional de resíduos sólidos. Dissertação de Mestrado do Centro Universitário – UNIVATES, Lajeado.

Mesquita Jr., J. M. (2007) Gestão integrada de resíduos sólidos. Rio de Janeiro: Ibam.

Moura, L. A. A. (2008) Qualidade e gestão ambiental. São Paulo: Juarez de Oliveira.

Mueller, C. F. (2005) Logística reversa meio ambiente e produtividade. Grupo de Estudos Logísticos. Universidade Federal de Santa Catarina, Santa Catarina. Disponível em . Acesso em: 12 jan. 2016.

Neves, J. L. (1996) Pesquisa qualitativa – características, usos e possibilidades. Cadernos de Pesquisa em Administração, 1(3).

Novaes, A. G. (2007) Logística e gerenciamento da cadeia de distribuição: estratégia, operação e avaliação. Rio de Janeiro: Elsevier.

Oliveira, M. M. (2007) Vulnerabilidade e exclusão social: uma abordagem sobre representações sociais de catadores de materiais recicláveis em Ipatinga-MG. Dissertação de Mestrado, Universidade Federal de Viçosa, Viçosa.

Pereira, A. S., Welzel, A. & Santana, D. V. M. (2011) Logística reversa aplicada a resíduos eletroeletrônicos: estudo de caso. In: Congresso Virtual Brasileiro de Administração (COVIBRA), 8.

Santos, J. G. (2012) A Logística Reversa Como Ferramenta Para a Sustentabilidade: um estudo sobre a importância das cooperativas de reciclagem na gestão dos resíduos sólidos urbanos. Reuna, 17 (2), 81-96.

Seiffert, M. E. B. (2010) Gestão ambiental: instrumentos, esferas de ação e educação ambiental. São Paulo: Atlas.

Sencovici, L., & Demajorovic, J. (2015). Entraves e Perspectivas para a Logística Reversa do Óleo Lubrificante e suas Embalagens. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade – GeAS, 4(2), 83-101.

Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE). Entenda as diferenças entre associação e cooperativa. Disponível em: . Acesso em: 19 de jan. 2015.

Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE). Gerenciamento de uma Cooperativa. 2003. Disponível em: . Acesso em: 25 dez. 2015.

Silva, A., Meireles, F., Rebouças, S. & de Abreu, M. (2015). Entraves e perspectivas para a logística reversa do óleo lubrificante e suas embalagens. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade – GeAS, 4 (1), 1-16.

Soares, I., Streck, L., & Trevisan, M. (2016). Logística Reversa: Uma Análise de Artigos Publicados na Base Spell. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade – GeAS, 5(2), 76-97.

Soto, M. M. T. (2011) Análise e formação de redes de cooperativas de catadores de materiais recicláveis no âmbito da economia solidária. Tese de Doutorado, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro.

Sousa, G. M. & Madeira, Y. F. (2015) Logística reversa de resíduos não industriais pós-consumo. Tecnologística, São Paulo. Disponível em: . Acesso em: 06 jan. 2016.

Streit, J. A. (2006) Análise de três empreendimentos econômicos solidários do setor de reciclagem no Distrito Federal: referências para atuação das organizações de apoio. Dissertação de Mestrado, Universidade de Brasília, Brasília.

Valle, R. & Souza, R. G. (2014) Logística Reversa: processo a processo. São Paulo: Atlas.

Veit, H. M. (2005) Reciclagem de cobre de sucatas de placas de circuito impresso. Tese de Doutorado, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre.

Vital, M. H. F, Ingouville, M. & Pinto, M. A. C. Estimativa de investimentos em aterros sanitários para atendimento de metas estabelecidas pela Política Nacional de Resíduos Sólidos entre 2015 e 2019. BNDES – Biblioteca Digital. (2014) Disponível em: . Acesso em: 2 dez. 2015.

Xavier, L. H. & Corrêa, H. L. (2013) Sistemas de Logística Reversa: criando cadeias de suprimento sustentáveis. São Paulo: Atlas.

Yin, R. K. (2010) Estudo de caso: planejamentos e métodos. Porto Alegre: Bookman.


Texto completo: PDF



Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

Rev. Gest. Ambient. Sustentabilidade, São Paulo, SP, Brasil. e-ISSN: 2316-9834

Rua Vergueiro, 235/249 - Liberdade, São Paulo - SP (Brasil), Cep: 01504-000